Adulto

ROCKBITCH: Uma polêmica banda sexual e bizarra

ROCKBITCH: Uma polêmica banda sexual e bizarra
Rockbitch fez sua história em um nível subterrâneo do rock

Rockbitch foi uma banda inglesa de mulheres que causou um escândalo no início dos anos 90 por seus shows de sexo, satânicos, lésbicos e bizarros.

Por motivos óbvios, sua fama só chegou a um certo nível, envolvendo um círculo de pessoas, mas isso foi o suficiente para o seu próprio país, a Inglaterra e Alemanha ou Noruega proibir seus shows com a mistura de rock e sexo lésbico explícito, sempre desaprovados pelas autoridades.

Rockbitch fez provar seu desempenho com a música gótica, punk e até mesmo metaleira. Seus membros formado por Julie Worland (vocal) Luci (guitarra), Amanda (baixo), Nikki (piano e flauta), Jo (bateria e baixo), Bebe (guitarra e vocal), foram improvisados, algumas delas tiveram que estudar música . E analisando seus súditos, poderiam entrar em uma banda quase completamente experimental.

No entanto, suas criações não convenceu os críticos, que achavam que sua música era lixo e que era apenas uma banda com fome de atenção e de fora.

Rockbitch defendeu suas produções mais do que fez com sua ideologia, defendendo o sexo livre abertamente e em público e até mesmo ritos satânicos pagãos com simbologia celta, onde sacerdotisas bacanal celebravam grande prazer proporcionado pelos deuses. Não só a música era um modo de vida.

Infelizmente, o seu conceito conseguiu ser censurado na pressão constante das autoridades britânicas, portanto, decidiu terminar a sua história em 2002, mas deixando um legado que, talvez, eventualmente, algumas bandas de meninas poderia continuar. (Por que não a trupe da Annita né?)

Vejam algumas fotos e vídeos dessa banda bizarra do sexo!

ATENÇÃO, CONTÉM IMAGENS IMPRÓPRIAS PARA MENORES E MUITO BIZARRAS, SE VOCÊ É UMA PESSOA CHEIA DE MIMIMI, SUGIRO QUE PARE POR AQUI!

ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 1
Luci, ao nu natural
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 2
No mesmo instante que é perturbador é excitante
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 3
Julie Worland fazendo mais do que cantar
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 4
O público masculino comparecia em peso
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 5
Você teria coragem de provar essa hóstia?
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 6
Rock Bitch ao extremo
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 7
Julie Worland se aquecendo
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 8
Todas participantes entram no clima
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 9
Se masturbam no palco com sinais bizarros e religiosos
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 10
Ritos pagãos eram incentivados em seus shows
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 11
Satânico e bizarro
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 12
A censura era óbvia para essas cenas fortes em público
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 13
Bebe e namorada não deixavam nada na imaginação
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 14
Pornografia era expressão
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 15
Uma imagem onde só se pode admirar a beleza
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 17
Masturbar em cena era comum
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 18
Cenas masoquistas que ninguém vai esquecer
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 19
As apresentações eram bastante intensas
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 20
Rock Bitch levava o público ao delírio
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 21
Rockbitch se interagiam com fãs
ROCKBITCH Uma polêmica banda sexual e bizarra 16
Os fãs realmente gostavam das apresentações

RockBitch – Sem censura!


Rockbitch – Breathe (Uncensored)

QUE FIQUE BEM CLARO: NÓS DA EQUIPE O LOXA NÃO APOIAMOS E MUITO MENOS PRATICAMOS QUALQUER TIPO DE SEITA!
Antes de comentarem, saibam bem disso!

Mostrar mais

12 Comentários

  1. apelativo, e pelo que notei na plateia na finíssima e seleta plateia só cuecas atrás de perversão, bom cada um na sua quem sou eu para querer ser sensor …..valei-me meu são protetor da censura descarada…..

  2. apelativo, e pelo que notei na plateia na finíssima e seleta plateia só cuecas atrás de perversão, bom cada um na sua quem sou eu para querer ser sensor …..valei-me meu são protetor da censura descarada…..

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo